MENU COM SUBMENU

Ao vivo - Neste domingo (04), direto do estádio Gileno de Carli!

Ao vivo - Neste domingo (04), direto do estádio Gileno de Carli!

segunda-feira, 21 de julho de 2014

PE SUB-23: Técnico do Sete de Setembro usa time jovem para justificar derrota na estreia

Foto: Divulgação-Globo Esporte/PE

Henrique Barbosa diz que sua equipe foi melhor no jogo, mas lamenta revés por 2 a 0. O Lobo Guara volta a campo na próxima quarta-feira, diante do Centro Limoeirense fora de seus domínios. 
 
A estreia do Sete de Setembro uns dos favoritos ao acesso a série A 2015 contanto com um elenco qualificado e com o oportunismo e faro de gol do experiente e conhecido atacante Landú e comandado pelo badalado técnico paulista Henrique Barbosa, não foi como  sonhou o técnico do time setembrino.  No domingo, o Lobo Guara foi derrotado por 2 a 0, pelo Belo Jardim, e viu o rival largar em vantagem no Grupo B. O treinador lamentou o placar, mas lembrou que conta com um elenco bastante jovem e frisou que 7 titulares ficaram de fora da estréia devido a documentação, os atletas não tiveram seus nomes publicados no BID da CBF a tempo para a partida contra o Belo Jardim. 

– A importância é montar a base do time para a competição apesar do pouco tempo de preparação, a equipe se portou bem em campo. O objetivo é o acesso, e para isso é preciso fortalecer o grupo dia a dia. O time entrou em campo ontem com 5 jogadores de 17 anos, e mesmo assim jogou de igual para igual, tomamos os gols em dois lances de bolas aos 30 minutos da primeira etapa e as 44 do segunda, tendo ainda uma expulsão do atleta Ney Silva aos 15 do segundo tempo, então você vê que é uma equipe que precisa ser lapidada mais que tem muita qualidade e com os atletas que ficaram de fora tenho certeza que a equipe brigara pelo acesso. O caminho é esse, buscar novos talentos e montar uma equipe bastante competitiva – disse o técnico.

Independente do placar negativo no primeiro jogo do Sete de Setembro no Pernambucano Sub-23, Henrique enxerga que o elenco foi melhor que o Belo Jardim mesmo longe de casa. Por isso, acredita que o momento passado na estreia servirá como aprendizado ao longo da competição estadual.

– Adotamos uma postura tática diferente, os jogadores assimilaram bem. É uma equipe muito jovem, e poderíamos ter tido uma sorte melhor. Mandamos no jogo no segundo tempo até a expulsão do Ney Silva, tivemos maior posse de bola e criamos as melhores oportunidades. Deus sabe o que faz e nos mostra um caminho mais tortuoso ali na frente – completou

Outro fato que chamou muito atenção da torcida e da imprensa presente no estádio em Santa Cruz do Capibaribe é o agito do badalado treinador na beira do gramado, jogava junto com sua equipe e a motivava o tempo todo seus comandados, mesmo com um a menos em campo o treinador conseguiu fazer sua equipe se superar fisicamente e técnicamente e fazer uma boa partida de estreia diante de todos dificuldades que teve na partida. 

A equipe do Sete de Setembro volta a campo na próxima quarta-feira as 15hrs, contra o Centro Limoeirense fora de casa pela segunda rodada. 

Ficha técnica: 

1 - Raudinei 
2- Isaac 
3- Hukerlysson 
4 - Zenon 
5- Michael 
6 - Henrique 
7 - Denis 
8 - Ney Silva 
10- Mateus Brasilia ( Marcos)
11- Landú 
9- Charles (Baiano)

Técnico: Henrique Barbosa 
Preparador Físico: Roberto Tim 
 
Fonte: Assessoria de Imprensa- Sete de Setembro E.C 

Nenhum comentário:

Postar um comentário