MENU COM SUBMENU

Ao vivo - Neste domingo (04), direto do estádio Gileno de Carli!

Ao vivo - Neste domingo (04), direto do estádio Gileno de Carli!

domingo, 29 de março de 2015

COPA DO NORDESTE: Nos pênaltis, Sport 4x2 Fortaleza. ''Leão pernambucano nas semifinais''

O Sport se classificou para as semifinais da Copa do Nordeste ao eliminar o Fortaleza na disputa por pênaltis, por 4x2, após vitória por 1x0 no tempo normal, neste domingo, na Ilha do Retiro. Com Magrão pegando uma cobrança. No jogo de ida, o rubro-negro havia perdido pelo mesmo placar.

O time pernambucano vai decidir uma vaga na final da competição contra o Bahia, que no sábado passou pelo Campinense. Os duelos estão marcados para os dias 8 e 12 de abril.
Diferentemente dos últimos jogos, o Leão entrou em campo com disposição. Mais agressivo na marcação e menos omisso nas jogadas pelos lados do campo. Por isso teve mais posse de bola que o adversário. E mais finalizações.

O problema é que a atitude dos jogadores compensou apenas em parte a limitação técnica. Tornando o time amarrado, sem velocidade e, consequentemente, sem criatividade. O que se espelhou na qualidade das finalizações. A maioria em chutes de longa distância. Ou em cabeçadas sem muito perigo.

No primeiro tempo, a chance mais clara foi logo aos nove minutos, com Diego Souza se esticando e não alcançando bom passe de Mike, quando estava em frente ao gol. Outra foi em cabeçada de fora da área de Wendel, por cobertura, com o zagueiro Lima salvando. A terceira, com Elber chutando mal, após cruzamento de Mike. As demais investidas ou esbarravam na bem postada defensiva do Fortaleza ou acabavam em passes errados. Expondo mais uma vez a limitação ofensiva do rubro-negro. Especialmente dos atacantes Mike e Joelinton.

Já o Fortaleza, que jogou fechadinho, tentou esfriar a partida o tempo todo, limitando-se a chutes de longa distância. Sem assustar o goleiro Magrão.

Na segunda etapa, O Sport voltou com Samuel no lugar de Mike, aumentando a presença de área. E logo aos seis minutos, o atacante emprestado pelo Fluminense abriu o placar. Ele recebeu lançamento de Diego Souza, foi mais esperto que Deola, dando toque de cabeça e tirando o goleiro da jogada. Aí só teve o trabalho de empurrar para o gol.

Dois minutos depois, Samuel quase vira. Tentou cruzar, a bola desviou em Lima e foi no travessão. Acordando a Ilha do Retiro.

Mesmo com o gol, o time cearense não mudou sua postura, mantendo-se fechado na defesa e sem conseguir contra-atacar até os 20 minutos, quando passou a se soltar. Aproveitando-se do cansaço leonino. Aos 34, Daniel cruzou e Lúcio Maranhão desperdiçou a chance de empatar, chutando por cima, na entrada da pequena área. No lance, Páscoa se machucou e passou a jogar no ataque, fazendo mera figuração. O Fortaleza teve ainda dois jogadores expulsos no final. O Sport ainda teve uma chance, com Diego Souza batendo falta. Mas não conseguiu evitar a disputa por pênaltis.

Nas penalidades, Diego Souza, Samuel, Elber e Vítor marcaram para o Sport. Enquanto que Cassiano e Corrêa perderam para o Fortaleza. Lima e Everton converteram.

JC Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário